Tipos de Aborto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tipos de Aborto

Mensagem  Admin em Seg Abr 26, 2010 4:28 am

O aborto é muitas vezes um processo e não um único acontecimento. Existem muitas fases e tipos de abortos. Também existe muita informação a aprender sobre o desenvolvimento fetal saudável, para ter uma ideia do que se possa passar com a sua gravidez. Compreender o desenvolvimento fetal inicial e o primeiro trimestre poderá ajudá-la a perceber a que sintomas deve estar atenta quando ocorrer um possível aborto espontâneo.

Muitas das vezes os abortos são chamados de isso mesmo, de abortos, mas poderá ouvir o seu ginecologista usar outros nomes como:

◦Ameaça de aborto: pelo menos 20% das grávidas têm algum sangramento no 1º trimestre, podendo ocorrer algum grau de sangramento da parede uterina acompanhada por cãibras e dores lombares. A cervix (colo do útero) mantém-se fechada. Este sangramento é muitas vezes resultante da implantação do óvulo no útero.

◦Aborto incompleto: dor abdominal (cólicas) ou de costas acompanhada por perda de sangue (sangramento persistente e grave) e com a cervix aberta. O aborto é inevitável quando existe uma dilatação da cervix e existe uma ruptura das membranas. A perda de sangue e as cãibras poderão persistir se o aborto não for completo. Ocorre eliminação parcial do útero do produto da concepção; se antes das 10 semanas normalmente ocorre perda do feto e da placenta juntos; depois das 10 semanas podem ser eliminados separadamente, ficando alguns restos no útero.

◦Aborto completo: um aborto completo é quando, juntamente com dores e cãibras, o embrião, ou o resultado da concepção, saem completamente do útero. A perda de sangue deverá desaparecer rapidamente tal como a dor ou as cãibras sentidas. Um aborto completo poderá ser confirmado com uma ecografia ou por uma curetagem cirúrgica.

◦Aborto silencioso/perdido: uma mulher poderá passar por um aborto sem saber que passou por um. Um aborto perdido é quando existe uma morte embrionária e não existe uma expulsão do útero. Não se sabe qual a razão por que isto acontece. Os sinais deste tipo de aborto são a perda dos sintomas da gravidez e a ausência de sons fetais no ultra-som.

◦Aborto recorrente: definido como 3 ou mais consecutivos primeiros abortos no primeiro trimestre (antes das primeiras 20 semanas). Esta situação afecta 1% das mulheres que tentam conceber.

◦Gravidez anembrionária: um óvulo fertilizado implanta-se na parede uterina, e o desenvolvimento fetal nunca ocorre. Muitas vezes o saco gestacional fica com o zigoto, mas existe uma ausência de crescimento fetal.

◦Gravidez ectópica: um óvulo fertilizado implanta-se num local qualquer, menos no útero, frequentemente na trompa de Falópio. O tratamento deve ser feito de imediato para impedir o desenvolvimento do óvulo na trompa de Falópio. Se não for tratado rapidamente, isto pode gerar complicações sérias para a mãe.

◦Gravidez molar: o resultado de um erro genético durante o processo de fertilização leva a um crescimento anormal de tecido dentro do útero. A gravidez Molar raramente envolve um desenvolvimento de um embrião, mas dá origem aos sintomas comuns de gravidez, incluindo a falta de período menstrual, teste de gravidez positivo e enjoos.



Tratamento


O principal objectivo do tratamento, durante ou depois de um aborto, é prevenir a hemorragia e a infecção. Quanto mais recente for o seu estado de gravidez, maior a probabilidade do seu corpo expulsar o tecido fetal por si próprio sem grandes intervenções médicas.

◦Um tratamento bem-sucedido do aborto espontâneo depende do diagnóstico precoce. Qualquer mulher deve ir ao médico para um exame físico geral, análises certificando-se que não existe nenhuma infecção.

◦Se for feita a confirmação de ameaça de aborto deve haver repouso na cama; se de seguida as cólicas e o sangramento pararem, o prognóstico para o prosseguimento da gravidez é bom.

◦No caso de um aborto incompleto é necessária curetagem (muito importante para a saúde da mãe).

◦Se acontecer um aborto completo a mãe deve ficar em vigilância para se detectarem precocemente possíveis sangramentos.

◦Se o aborto ocorrer depois do 1º trimestre pode ser necessário internamento e alguma medicação.
No geral, se o corpo não expulsar todo o tecido fetal por si próprio, o procedimento mais comum para parar o derrame de sangue e prevenir a infecção é uma dilatação e curetagem. Alguns medicamentos poderão ser prescritos para ajudar a perda de sangue e a dilatação e curetagem. A perda de sangue deve ser sempre seguida de perto mesmo quando estiver em casa; se notar um aumento da perda de sangue, arrepios ou febre, vá ao hospital de imediato.


Prevenção do Aborto

Dado que muitas das causas do aborto são devido a anomalias dos cromossomas, existe muita coisa que poderá ser feita para as evitar. Um passo vital é manter-se o mais saudável possível antes de engravidar para providenciar um ambiente saudável para a concepção.

◦Exercício regular moderado
◦Alimentação saudável
◦Boa gestão do stress
◦Manter o peso dentro de um limite saudável
◦Tomar ácido fólico diariamente
◦Não fumar
◦Consultar um médico
Logo que saiba que está grávida, o objectivo é manter-se o mais saudável possível, para proporcionar um desenvolvimento saudável ao seu bebé:

◦Mantenha o seu abdómen protegido
◦Não fume nem esteja em locais com fumo
◦Não beba álcool
◦Confirme com o seu médico antes de tomar qualquer medicação
◦Limite ou elimine a ingestão de cafeína
◦Evite ambientes menos saudáveis, radiação, doenças infecto-contagiosas e raio-X
◦Evite actividades ou desportos que possam ser muito agressivos/extenuantes, consultando o seu médico previamente, antes de decidir algum tipo de actividade física.


Tratamento emocional
Infelizmente o aborto pode acontecer a qualquer mulher. Muitas vezes a mulher fica com questões por responder relativamente à sua recuperação física e emocional e novas tentativas de engravidar. É muito importante que, como mulher, mantenha sempre as suas linhas de comunicação abertas com a família, amigos e médico durante todo este tempo.

Admin
Admin

Mensagens : 40
Data de inscrição : 04/04/2010

http://gravidez.cinebb.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum